Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/3874
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAndrade, Tânia Cristina Santos-
dc.contributor.authorRios, Carlos Eduardo Alves-
dc.date.accessioned2013-09-19T11:38:34Z-
dc.date.available2013-09-19T11:38:34Z-
dc.date.issued2013-
dc.identifier.urihttps://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/3874-
dc.description.abstractOs rins exercem diversas funções como filtração, reabsorção e manutenção de homeostase. A redução progressiva de sua função pode implicar no comprometimento de essencialmente todos os órgãos. Para avaliação do funcionamento dos rins é usada a Taxa de Filtração Glomerular (TFG), que consiste na análise das substâncias específicas excretadas pelos rins. De modo a evitar os potenciais erros envolvidos na coleta de urina de 24 horas, foram desenvolvidas fórmulas de predição para TFG. As fórmulas mais utilizadas na rotina são a Cockcroft-Gault, a Modification of Diet in Renal Disease (MDRD) e a CKD-EPI (Chronic Kidney Disease Epidemiology Collaboration). O presente estudo tem como objetivo comparar a eficácia da equação CKD-EPI em relação ao Clearance de Creatinina, na qual não faz parte da rotina comum laboratorial. Foram analisados 62 prontuários de pacientes de um laboratório particular de Brasília – DF. O clearance de creatinina foi obtido através de automação pelo método de Jaffé modificado e a análise de correlação foi realizada pela fórmula de correlação de Pearson (r). Os pacientes foram divididos em 3 grupos do gênero masculino e 3 do gênero feminino, que variavam entre 15 a 29 anos, 30 a 59 anos e 60 anos a diante. Após a análise, foi verificada correlação positiva em quase todos os grupos, onde apenas um grupo apresentou correlação negativa. O grupo feminino de 15 a 29 anos apresentou um r = 0,6828, enquanto o masculino apresentou um r = -0,585. O grupo feminino de 30 a 59 anos apresentou r = 0,7615, já o masculino apresentou um r = 0,5179. Os últimos grupos, 60 anos a diante, o feminino apresentou r = 0,9269, e o masculino um r = 0,4528. O desempenho da equação CKD-EPI foi bem satisfatório com valores TFG < 90 ml/min per 1.73m², sendo possível considerá-lo um método eficiente para detecção precoce e monitoramento de doenças renais.pt_BR
dc.description.provenanceSubmitted by Rosemary Pereira (rosemary.pereira@uniceub.br) on 2013-09-19T11:38:34Z No. of bitstreams: 1 Outro documento (6).pdf: 289102 bytes, checksum: 26219bb1afe8d52c0d4a5e4f1d6047f8 (MD5)en
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2013-09-19T11:38:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Outro documento (6).pdf: 289102 bytes, checksum: 26219bb1afe8d52c0d4a5e4f1d6047f8 (MD5) Previous issue date: 2013en
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectClearancept_BR
dc.subjectCKD-EPpt_BR
dc.subjectCreatininapt_BR
dc.subjectCockcroft-Gaultpt_BR
dc.subjectMDRDpt_BR
dc.subjectPearsonpt_BR
dc.subjectDRCpt_BR
dc.subjectRimpt_BR
dc.subjectDiabetespt_BR
dc.titleComparação entre clearance de creatinina e a equação CKD-EPI para avaliação da função renalpt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.date.criacao2013-
Appears in Collections:BMD - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Outro documento (6).pdf282,33 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.