Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/9610
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, Cristiane Fernanda da-
dc.contributor.authorAmancio, Kelly Cristina Nascimento-
dc.date.accessioned2016-11-24T18:36:46Z-
dc.date.available2016-11-24T18:36:46Z-
dc.date.issued2016-11-
dc.identifier.citationAMANCIO, Kelly Cristina Nascimento. Estudo de viabilidade técnica e ambiental do sistema de Wetlands construídos no tratamento de águas residuárias. 2016. 60 f. Monografia (Graduação) - Faculdade de Tecnologia e Ciências Sociais Aplicadas, Centro Universitário de Brasília, Brasília, 2016.pt_BR
dc.identifier.uri https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/9610-
dc.description.abstractO crescimento populacional desordenado tem como consequência a produção de um elevado volume de águas residuárias, o que acabou por obrigar buscas de novas tecnologias para o reaproveitamento das mesmas. Tecnologias que são eficientes, autônomas e economicamente viáveis. A partir disso surgiu os Wetlands construídos, que são ecossistemas criados artificialmente para reproduzir os meios de purificação de águas existentes em pantanais (alagados), visando o tratamento de águas residuárias. Sendo assim, o presente trabalho representa um estudo realizado sobre a viabilidade técnica e ambiental do uso de wetlands construídos (WC) no tratamento de águas residuárias. Para a comprovação dessas viabilidades, o estudo baseou-se na análise dos resultados de eficiência de remoção dos principais parâmetros de qualidade de seis sistemas WC implantados no país. Os resultados obtidos nas saídas desses sistemas foram comparados aos limites de lançamentos de efluentes tratados, determinados pelas resoluções nº 357/05 e nº 430/11 do CONAMA. Apesar de alguns parâmetros não terem passado nas limitações das legislações, foi comprovada a alta eficiência de remoção de matéria orgânica, nutrientes e coliformes por sistemas WC. Observou-se então que os sistemas wetlands são eficientes no tratamento de águas residuárias mas há necessidade de um maior controle da qualidade do efluente tratado para o lançamento nos corpos receptores de modo a não causar danos ambientais. Além disso, é necessário que haja maior incentivo em novas pesquisas para o desenvolvimento dessa tecnologia no país, de modo a determinar melhor os parâmetros de projeto para torná-los mais exatos e eficazes.pt_BR
dc.description.provenanceSubmitted by Camila Loscha (camila.loscha@uniceub.br) on 2016-11-24T18:21:24Z No. of bitstreams: 1 21450374.pdf: 977256 bytes, checksum: a7bdceb8fd1d6a15fb0a1238bcee2df4 (MD5)en
dc.description.provenanceApproved for entry into archive by Rayanne Silva (rayanne.silva@uniceub.br) on 2016-11-24T18:36:46Z (GMT) No. of bitstreams: 1 21450374.pdf: 977256 bytes, checksum: a7bdceb8fd1d6a15fb0a1238bcee2df4 (MD5)en
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2016-11-24T18:36:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 21450374.pdf: 977256 bytes, checksum: a7bdceb8fd1d6a15fb0a1238bcee2df4 (MD5) Previous issue date: 2016-11en
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectWetlandspt_BR
dc.subjectZona de raízespt_BR
dc.subjectEcotecnologiapt_BR
dc.subjectSaneamento ambientalpt_BR
dc.titleEstudo de viabilidade técnica e ambiental do sistema de Wetlands construídos no tratamento de águas residuáriaspt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.date.criacao2016-
Appears in Collections:ECI - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
21450374.pdf954,35 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.