Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/123456789/3015
metadata.dc.type: Monografia
Title: Pesquisa de clima organizacional: uma análise quantitativa
Authors: Silva, Wiler Faria Machado
Abstract: O presente estudo abordou uma pesquisa de Clima Organizacional realizada junto à empresa pública EMATER-DF, mostrando os pontos que podem ser melhorados para que a empresa proporcione um melhor ambiente de trabalho aos seus funcionários, uma vez que a organização deseja desenvolver uma cultura empresarial adaptada às demandas do Terceiro Milênio. Este tipo de pesquisa vem sendo reiteradamente utilizada nas organizações com a finalidade de diagnosticar a percepção dos funcionários acerca das práticas da empresa, e, a partir disso, minimizar os conflitos entre as necessidades dos indivíduos e as da organização, melhorando, assim, o ambiente de trabalho e, por conseguinte, o desempenho dos funcionários. Neste intuito, já que pesquisas de clima organizacional são importantes ferramentas provedoras de novas formas de gestão compatíveis às exigências do novo mercado global, foi utilizado um questionário com 19 fatores que podem interferir no Clima Organizacional de uma empresa, tais como: Conformidade com a Estrutura, Responsabilidade, Padrões de Desempenho, Recompensas, Clareza Organizacional, Calor Humano e Apoio, Liderança, Oportunidade de Progresso, Conflitos, Flexibilidade, Participação, Competição, Comprometimento com a Empresa, Equidade Salarial, Condições de Trabalho, Comunicação, Ética Empresarial, Estímulo à Criatividade e Oportunidade de Desenvolvimento Profissional. O questionário de clima organizacional foi respondido por 105 funcionários da EMATER lotados em áreas específicas, totalizando 61% da amostra total de empregados da empresa e 85% dos funcionários das áreas onde foram aplicados os questionários. De maneira genérica, os cinco pontos mais favoráveis em relação à qualidade de clima organizacional foram: Estímulo à Criatividade, Comprometimento com a Empresa, Conformidade com a Estrutura, Condições de Trabalho e Competição. Já os cinco pontos mais desfavoráveis em relação à qualidade de clima organizacional foram: Comunicação, Oportunidade de Progresso, Padrões de Desempenho, Clareza Organizacional e Conflitos. Tais resultados sugerem que a EMATER-DF fomente, principalmente, as áreas de Comunicação e Padrões de Desempenho, pois além de terem sido os fatores mais desfavoráveis a um bom clima organizacional, também foram os fatores que mais se correlacionaram com os demais.
Keywords: Pesquisa
Clima organizacional
Empresa pública
URI:  https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/123456789/3015
Issue Date: 25-Jun-2008
Appears in Collections:PSI - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
20310697.pdf216.3 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.