Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/8162
metadata.dc.type: TCC
Title: Os cuidados maternos e a interação do ambiente facilitador na constituição psíquica do bebê: uma visão Winnicottiana
Authors: Ferrine, Gyselly Medeiros
Abstract: Este trabalho se propõe dialogar sobre a importância da função e dos cuidados maternos, bem como a apresentação de um ambiente facilitador para a constituição psíquica do bebê. Discute-se brevemente o quanto o bebê é extremamente dependente da mãe e o quanto essa mãe precisa adoecer de forma saudável para suplantar o extremo desamparo do bebê, estabelecendo, assim, uma relação de trocas de experiências favoráveis ao seu desenvolvimento psíquico-físico. Cabe à mãe a função de ser o apoio necessário, devendo ser boa o suficiente, frustrando e deixando que o bebê sinta, em determinados momentos, sensações de onipotência, que o permitam internalizar o objeto externo e, por conseguinte, integrar o seu self. Além disso, ela deve apresentar ao bebê, em momentos oportunos, o princípio da realidade. As falhas maternas e os danos causados também são temas desse estudo, bem como a apresentação ao bebê pela mãe de um ambiente facilitador que o ajude a se constituir psiquicamente. Por meio deste estudo bibliográfico, pode-se chegar à conclusão de que a mãe e o ambiente facilitador são a base para uma boa constituição psíquica e que a mãe precisa, necessariamente, ser boa o suficiente para o seu bebê.
Keywords: Mãe suficientemente boa
Função materna
Falha materna
Constituição psíquica
Preocupação materna primária
URI: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/8162
Issue Date: 2013
Appears in Collections:PSI - Pós-graduação em Teoria psicanalítica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
51105913.pdf299.84 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.