Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/9862
metadata.dc.type: TCC
Title: A importância do plano real para a abertura da competitividade da economia brasileira
Authors: Vargas, Gláucia
Abstract: A abertura da economia brasileira teve início na década de 90. Mas foi somente a partir da implantação do Plano Real que se deu continuidade ao processo de crescimento econômico, pois foi o primeiro plano a conseguir acabar com o processo de hiperinflação existente na época. A liberalização comercial e as privatizações foram responsáveis por esse crescimento. A liberalização do comércio brasileiro fez o Brasil integrar-se à economia mundial. A privatização obrigou as empresas brasileiras a adotarem novas tecnologias, pois estavam “acomodadas” por dominarem o mercado nacional. Com a chegada dos novos investidores, os empresários nacionais adotaram novas tecnologias para poderem competir com as empresas estrangeiras. O grande beneficiário foi a população, que teve produtos de melhor qualidade a preços menores. O Investimento Direto Estrangeiro (IDE) foi um grande contribuidor do sucesso do Plano Real, devido à credibilidade conquistada pela nova moeda. Os investidores funcionaram com encorajador das empresas brasileiras que passaram a investir mais em pesquisa e desenvolvimento, além de transferência da tecnologia por parte das empresas estrangeiras, podendo trazer modernidade à produção.
Citation: VARGAS, Gláucia. A importância do plano real para a abertura da competitividade da economia brasileira. 2004. 56 f. Monografia (Graduação) - Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais, Centro Universitário de Brasília, Brasília, 2004.
URI:  https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/9862
Issue Date: 2004
Appears in Collections:REL - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
20075901.pdf477.08 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.