Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/123456789/2463
metadata.dc.type: Monografia
Title: Doenças de Chagas
Authors: Arruda, Ives da Cunha
Abstract: A doença de Chagas é um tipo de doença tropical, provocada pelo protozoário Trypanosoma cruzi. È transmitida por meio de insetos hemípteros da família dos triatomideos, que contraem o parasito em reservatório natural, como por exemplo: desdentados , roedores, quirópteros, carnívoros, primatas, etc; e o transferem para o homem no momento do seu repasto sangüíneo. Existem outras formas com que o homem pode contrair a doença: por meio de transfusão sangüínea, por transmissão congênita, acidental, por transplantes de órgãos, transmissão por vias oral e sexual. O parasito se desenvolve no organismo do homem provocando quadros agudos e crônicos. O quadro ou forma aguda, se da no inicio da infecção, e pode ser controlada, podendo ainda eliminar os parasitos do corpo do hospedeiro, mas isso aliado a diferentes tipos de medicação, idade do individuo, etc; já a forma crônica, é posterior a fase aguda, sendo um estabelecimento praticamente definitivo do hospedeiro no organismo infectado. Com o passar do tempo (que pode chegar a décadas), a forma crônica desenvolve,varias formas no organismo do indivíduo, dentre elas as mais importantes seriam a cardiopatia crônica chagásica e as formas crônicas digestivas, pode desenvolver ainda alterações no sistema nervoso. O diagnostico da doença de Chagas é feito por métodos parasitológicos, radiológicos e por testes sorológicos. Devem ser considerados o tratamento especifico (erradicação do parasito) e o tratamento sintomático (manejo de lesões e distúrbios produzidos pela parasitose), sendo ambos igualmente importante na fase aguda e crônica da doença de Chagas. A distribuição geográfica da doença de Chagas se da por grande parte das América Central e do Sul, onde no Brasil, se desenvolveu na maioria das regiões próximas ao habitat natural dos reservatórios naturais, e que abrigavam uma população de baixa renda. Hoje, com a ajuda de programas de controle, existem lugares onde a incidência da doença de Chagas é praticamente nula.
URI:  https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/123456789/2463
Issue Date: 2003
Appears in Collections:BIO - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
9861526.pdf506,68 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.