Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/6648
metadata.dc.type: Monografia
Title: Avaliação da aprendizagem: processo construtivo de um novo saber/fazer
Authors: Matos, Joseneide Ribeiro Montenegro G.
Barbosa, Maria Terezinha
Lopes, Rosimar Nascimento
Oliveira, Shirley Cristiane S.
Santos, Vilma Alves dos
Abstract: A educação consiste no desenvolvimento do ser humano em todas suas dimensões. No mundo globalizado que vivemos e diante dos constantes avanços tecnológicos e científicos, educação é palavra chave, possibilitando análise, crítica, construção do conhecimento. Para tanto o ensino e aprendizagem precisa ser visto como elemento provocativo, desafiador, proporcionando momentos reflexivos que auxiliem na construção do conhecimento. A avaliação da aprendizagem é tema de profunda reflexão, os profissionais, envolvidos nesse processo, deverão conscientizar-se que o mais importante são os alunos conseguirem aplicar os conhecimentos adquiridos diariamente, de forma que possibilitem o pleno exercício da cidadania. Essa é mais uma razão que justifica o uso, pelo professor, de técnicas variadas e instrumentos diversos de avaliação. Pois quanto mais dados ele puder colher sobre resultados da aprendizagem, utilizando instrumentos variados e adequados aos objetivos propostos, mais válida será considerada a avaliação (HAYDT, 1997, p. 55). Está pesquisa é uma proposta para aprofundarmos no processo de avaliação da aprendizagem, pois este é elemento integrante do processo pedagógico, assumindo um papel importante na abordagem da educação. A presente pesquisa tem como objetivo geral refletir sobre a aplicabilidade e função da avaliação da aprendizagem, visando a formação integral do aluno, desenvolvendo as suas potencialidades. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, desenvolvida em uma escola pública do Distrito Federal, numa turma da 1ª série, segundo André (1986) a pesquisa qualitativa envolve a detenção de dados descritivos, obtidos na relação direta do pesquisador com a situação estudada. Os sujeitos da pesquisa foram: o diretor, coordenador pedagógico, professores e alunos. O processo metodológico fundamentou nos instrumentos de análise documental, observação e entrevistas semi-estruturadas. Ao término dos estudos investigativos sobre avaliação da aprendizagem, os resultados foram verificados mediante as seguintes categorias: Ensino e Aprendizagem, Relação Professor/Aluno e Avaliação. A investigação remeteu-se a verificação de uma prática ensino aprendizagem descontextualizada, partindo dos planejamentos, que não são realizados numa ambiência comum. Cada educador tem sua concepção teórica, empregando-a individualmente na sua sala de aula. A aprendizagem não oportuniza reflexão, tornando-se uma aprendizagem mecânica. A relação professo/aluno é pouco perceptível no processo ensino aprendizagem, não visualizando-a como fundamental para a qualidade e aprimoramento da aprendizagem. Vale ressaltar que o discurso dos professores, nesta categoria, não condiz com as observações. A avaliação é parte integrante do processo ensino aprendizagem, porém de forma quantitativa, não a utilizando na construção do conhecimento. O processo de avaliar resume-se apenas em indicar “erros”, e assim classificar os alunos nos que “aprendem” e os que “não aprendem”. Os dados analisados nos fez concluir que a aprendizagem na escola acontece de forma tradicional, mecânica, automática e linear, o que não contribui para as interações em sala de aula. Assim os dados analisados nos fez concluir que os professores da escola pesquisada não empregam uma avaliação mediadora buscando a construção de um novo saber/fazer. A avaliação gera conhecimento, gera interação, mediação.
Keywords: Ensino e aprendizagem
Relação professor-aluno e avaliação
URI: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/6648
Issue Date: 2005
Appears in Collections:PED - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
40263435.pdf430.82 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.