Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/6752
metadata.dc.type: Monografia
Title: Os fatores que interferem no processo de ensino e aprendizagem
Authors: Lemes, Rhodolfo Pereira
Alexandre, Sebastião
Abstract: De acordo com Vygotsky (1993), a aprendizagem ocorre a partir de um intenso processo de interação social, através do qual o indivíduo vai internalizando os instrumentos culturais. A educação escolar pode desenvolver no indivíduo a capacidade e a iniciativa de buscar por si mesmo novos conhecimentos, a autonomia intelectual, a liberdade de pensamento e de expressão. O construtivista espanhol César Coll é um dos autores que explicitam esse princípio. Esse autor chega mesmo a apresentar o “aprender a aprender” como a finalidade última da educação numa perspectiva construtivista. A proposta do presente trabalho é fazer uma reflexão e proporcionar uma análise relevante, da construção do conhecimento em relação aos fatores que interferem no processo ensino e aprendizagem do aluno mediante o enfoque e abordagens teóricas. A pesquisa evidenciada foi qualitativa, segundo Bogdan e Biklen (1982), envolve a obtenção de dados descritivos, obtidos no contato direto do pesquisador com a situação estudada, enfatiza mais o processo que o produto e se preocupa em retratar a perspectiva dos participantes, foi realizada em uma escola pública do Riacho Fundo II no Distrito Federal.Os sujeitos da pesquisa foram o aluno, a professora regente a coordenadora e o diretor. Os instrumentos utilizados foram à análise documental, a observação participante e entrevistas semi – estruturadas. Os resultados foram apontados mediante as categorias construção do conhecimento, mediação e fatores de aprendizagem. Os resultados mostraram que a categoria construção do conhecimento não apresentou aulas diversificadas que atendiam as necessidades reais dos alunos. Os conteúdos estavam fora de contexto deixando a desejar a construção do conhecimento. Os pontos negativos evidenciados na categoria mediação mostram que não havia diálogo nas interações entre professore e aluno. No decorrer das atividades em sala o aluno não era tratado como sujeito ativo no processo de ensino e aprendizagem. Não existe elo entre professor, aluno e conhecimento construído. O educador nem conhecia o conceito de mediação por meio da abordagem construtivista. Na categoria fatores de aprendizagem não se buscava meios para identificar realmente o que interferia no rendimento do aluno, ao invés disso os alunos eram rotulados mesmo que de forma na intencional. A falta de fatores impulsionadores dificultavam novas perspectivas de aprendizagem do aluno. Existe pouco conhecimento científico sobre os fatores que interferem na aprendizagem por parte dos membros da escola. Como alguns professores desconhecem esses fatores que dificultam a aprendizagem à mesma muitas vezes não acontece e outras vezes acontece superficialmente. Conclui-se que as teorias da construção do conhecimento e dos fatores que interferem no processo de ensino e aprendizagem fornecem os pressupostos teóricos que orientam o processo pedagógico. A tarefa primordial do educador é a de traduzir a teoria que ele acredita em prática funcional. “O aprender é processo de significação subjetiva do ser, ou seja, necessita ser exercido com liberdade, e não por imposição, pela simples razão de que numa relação dialógica entre sujeitos sempre ocorrerão trocas – o processo contínuo de reconhecer o outro” Freitas, (2002: 04).
Keywords: Construção do conhecimento
Mediação
Fator de aprendizagem
URI: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/6752
Issue Date: 2006
Appears in Collections:PED - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
40354721.pdf254.15 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.