Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/8177
metadata.dc.type: TCC
Title: O papel da família no desenvolvimento emocional do sujeito: uma leitura Winnicottiana
Authors: Faim, Arielba Borgonha Querino
Abstract: O presente estudo se propõe a apresentar e compreender as fases percorridas pelo sujeito em seu desenvolvimento emocional e os fatores que ocorrem no contexto familiar, os quais contribuem para que esse desenvolvimento seja saudável ou não. Objetivou-se refletir quanto à teoria de Winnicott acerca do desenvolvimento emocional e sua contribuição sobre o papel da família no processo de amadurecimento, evidenciar as falhas na família ou no ambiente que levam ao adoecimento mental, e relacionar o desenvolvimento emocional ao adoecimento mental, abarcando assim, todo esse processo no contexto familiar. Para alcançar esses objetivos, realizou-se uma revisão bibliográfica das obras de Winnicott e de autores contemporâneos — que se interessam por sua obra — e apresentou-se uma ilustração clínica na qual se observa a influência da família no adoecimento mental do sujeito. No primeiro capítulo, apresentou-se a contribuição de Winnicott acerca da família e da constituição psíquica do sujeito, tendo como base sua obra “A Família e o Desenvolvimento Individual” (1965/2001). No segundo capítulo, analisou-se as concepções acerca da saúde e do adoecimento mental à luz da teoria do desenvolvimento emocional de Winnicott. No terceiro capítulo, buscou-se refletir sobre sua teoria e o adoecimento mental a partir de uma ilustração clínica, contextualizando a influência da família sobre o desenvolvimento emocional do sujeito e seu adoecimento mental. Com este estudo, pode-se concluir que o relacionamento entre a mãe e o bebê nos primeiros anos de vida é de fundamental importância para que o bebê tenha um desenvolvimento emocional saudável. No entanto, para que isso aconteça, tanto a mãe quanto o bebê precisam da participação ativa do pai, assim como de toda a família, possibilitando que, não só o bebê, mas todos da família tenham um amadurecimento individual saudável em qualquer fase da vida.
Keywords: Adoecimento mental
Desenvolvimento emocional
Família
Relacionamento mãe-bebê
Winnicott
URI: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/8177
Issue Date: 15-Dec-2015
Appears in Collections:PSI - Pós-graduação em Teoria psicanalítica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
51402342.pdf521.7 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.