Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/123456789/203
metadata.dc.type: Monografia
Title: O direito de recorrer em liberdade após decisão penal condenatória: a presunção de nãoculpabilidade e a execução provisória da pena prevista no artigo 637 do código de processo penal
Authors: Silva, Álysson Pereira da
Abstract: O presente trabalho analisa a possibilidade ou impossibilidade da execução penal provisória da pena privativa de liberdade enquanto pendente de julgamento o recurso extraordinário. Faz-se um estudo da regra contida no artigo 637 do Código de Processo Penal, repetida no artigo 27, § 2°, da Lei n° 8.038/90, em face da garantia de presunção de não-culpabilidade, dentro de uma perspectiva do processo penal constitucional. Para tanto, aborda-se a presunção de não-culpabilidade e suas conseqüências; a natureza jurídica da prisão processual e as hipóteses nas quais pode ser decretada; as hipóteses de cabimento e os efeitos do recurso extraordinário. Ao final, demonstra-se a atual orientação do Supremo Tribunal Federal sobre a matéria, consolidada pelo Tribunal Pleno no julgamento do Habeas Corpus n° 84.078/MG, expondo-se os principais argumentos lançados pelos Ministros nesse writ.
Keywords: Antecipação da pena
Efeito do recurso extraordinário
Execução provisória da pena
Presunção de inocência
Presunção de não culpabilidade
Prisão processual
Prisão preventiva
Processo penal constitucional
Recurso extraordinário
URI: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/123456789/203
Issue Date: 2010
Appears in Collections:DIR - Graduação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
20764288.pdf497.04 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.