Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/7978
metadata.dc.type: Monografia
Title: Avaliação de impacto do treinamento no trabalho: o coaching ontológico como fator de sucesso à transferência
Authors: Cunha, Renato Miguel
Abstract: O objetivo geral deste trabalho foi apresentar, por meio da análise dos fatores que envolvem a atuação Gerencial e do estudo da Avaliação de Impacto do Treinamento no Trabalho no âmbito das organizações, um perfil de comportamento gerencial, baseado nos preceitos do Coaching Ontológico, que favoreça a construção de um ambiente de trabalho viável à transferência positiva de conhecimentos, habilidades e atitudes (CHAs), adquiridos nas ações de capacitação. Foram traçados os seguintes objetivos específicos: 1. Distinguir os tipos de avaliação de treinamento; 2. Identificar as variáveis que impactam positiva e negativamente no processo de transferência dos CHA’S ao ambiente de trabalho; 3. Apresentar as ferramentas básicas do Coaching Ontológico; 4.Definir como o gestor, no papel de Coaching Ontológico, pode intervir em uma equipe de trabalho de modo a elevar sua capacidade para uma atuação efetiva. Foi formatado e proposto à Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal-CAESB o curso “Instrumentos do Coaching Ontológico”, voltado para 25 gestores da Instituição, no qual são trabalhadas as ferramentas do Coaching Ontológico. Elaborou-se um formulário padronizado, contendo 6 perguntas. Em seguida, foi proposto que seja feita a aplicação desse formulário após 2 meses da realização do evento supracitado. O objetivo desse levantamento é saber se 50 colaboradores, egressos de eventos de capacitação, e subordinados aos gestores participantes do curso citado acima, se sentiram mais motivados, a partir da atuação do seu superior hierárquico, a transferir ao ambiente de trabalho os novos conhecimentos aprendidos. Assim, atingiu-se, com a intervenção realizada, o resultado esperado, uma vez que se apresentou um perfil gerencial, baseado nos preceitos do Coaching Ontológico, adequado à transferência positiva de CHAs no ambiente de trabalho. Concluiu-se, com esta produção acadêmica que, para se criar um ambiente favorável ao processo de transferência de conhecimentos, o gestor deve construir com seus subordinados um relacionamento pautado nos propósitos do Coaching Ontológico, relacionamento no qual, segundo Araújo (1999), uma pessoa se compromete a apoiar a outra a atingir um determinado resultado: seja ele o de adquirir competências e/ou produzir uma mudança específica.
Keywords: Atuação gerencial
Coaching ontológico
Transferência
Ambiente de trabalho
Avaliação de impacto
URI:  https://repositorio.uniceub.br/jspui/handle/235/7978
Issue Date: 22-Feb-2016
Appears in Collections:ADM - Pós-graduação em Gestão de pessoas e coaching

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
51104020.pdf971.31 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.